1. Associação Comercial Empresarial, Industrial e Agrícola de Magé

  2. Consulta
  3. 5
Consulta SCPC
SCPC
Home / Notícias / SANTA CATARINA

Facisc prevê crescimento e está otimista para 2019

De acordo com a entidade, os dados apontam a retomada do crescimento econômico e mostram uma tendência significativa de melhoria para o próximo ano

20 de dezembro de 2018 - 11:55

A Federação das Associações Empresariais de Santa Catarina (Facisc) fez uma análise dos dados econômicos de 2018 através da sua área de Economia e Estatística e está otimista com a chegada de 2019. Isso porque os dados apontam a retomada do crescimento econômico e mostram uma tendência significativa de melhoria para o próximo ano.

Na análise, o Índice de Atividade Econômica mostra que Santa Catarina cresceu acima da média brasileira. “Se analisarmos de janeiro a setembro deste ano, em relação a 2017, crescemos 2.76% contra os 1,22% da média nacional”, explica o economista Leonardo Alonso Rodrigues. O estado é o quinto a mais gerar empregos no Brasil e tem a menor taxa de desemprego. Santa Catarina não aumentou impostos. Para o presidente da entidade, Jonny Zulauf, o estado tem uma das maiores diversificações econômicas do Brasil com empresas ramificadas e fortalecidas nos mais diferentes segmentos. “É essa diversidade de segmentos de atuação, a força que vem do agronegócio, da indústria ao comércio, e do prestador de serviço, aliada aos potenciais do nosso estado, que fazem com que tenhamos destaque perante outros estados no Brasil”. A influência do câmbio impactou no crescimento das exportações e da indústria. “Sofremos muito com a crise, mas numa proporção bem menor em relação aos outros estados. Todas esses pontos positivos fazem com que vejamos um caminho interessante para 2019”.

A Federação alerta também para pontos em que o estado precisa investir, como a infraestrutura. “Dos 702 pleitos levantados pelas nossas 147 associações empresariais para o documento Voz Única, 331 são relacionados à carente infraestrutura catarinense. Há uma necessidade urgente em investimentos nas estradas, nos portos e nos aeroportos, e tantas outras demandas que travam voos mais altos”. O desequilíbrio no desenvolvimento regional é outro ponto que destacado pelo presidente. “Precisamos de atenção para ter um crescimento igualitário para todas as regiões”.

A pesquisa Perspectivas Empresariais realizada pela Boa Vista/SCPC, da qual a Facisc é entidade vinculada por convênio no estado de Santa Catarina, constatou que os empresários planejam investir mais em 2019. 38% dos executivos planejam investimentos superiores para o próximo ano aos praticados em 2018, o que representa um aumento de quatro pontos percentuais na comparação ao terceiro trimestre de 2017.

Fonte: Facisc

Tags

Deixe seu comentário